Páginas

sábado, 20 de março de 2010

Tens falado palavras tortas,
grito de um peito acorrentado,
arrastado por grilhões de noites claras.
Porque a boca fala do que está cheio o coração.

O que tens preparado?
Que seque a árvore sem frutos!
Afinal, o que esperas de ti mesmo?
Por que procuras mais no azul claro
do que no livro de capa preta?

Onde queres chegar?
Qual enredo escolherás para tua história?

Irei por aquele que é
o Caminho, a Verdade e a Vida.

Nenhum comentário:

Postar um comentário