Páginas

sábado, 30 de outubro de 2010

Não olhe

Vire o rosto
porque ironicamente
não mereces ver o sangue
da ferida que causaste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário