Páginas

segunda-feira, 31 de janeiro de 2011

Parágrafo

Os ambientes de meus pensamentos há muito estão poluídos. E esta é uma razão, explicação, ou apenas pretexto para uma discussão. O raciocínio flutua pelas águas mornas de uma piscina infantil, e sem ter como chegar a lugar algum dá voltas e permeia, quase o instante eterno, a urina diluída das crianças. Não passa de uma grande latrina, em que o esgoto é a corrupção dos pensamentos que fingem a inocência dos pequenos mijões.

Um comentário: